letreiro

28 de julho de 2010

Fotografia


Tento pegar-te,
confuso comigo eu bebo,
eu durmo,
embriagado sonho como astronauta.
Tento beijar-te,
medroso eu fujo,
eu paro,
vejo-me como covarde.
Tento tocar-te,
faltam-me dedos,
faltam-me braços,
sinto-me ave sem asas para voar,
sinto-me fotografado.
Tento sorrir,
porem o riso me falta,
pois detido no teu
o meu é preto e branco
simples foto sem cor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário